De menino, de menina ou sustentável?

Quem tem mais de um filho e filhos de gêneros diferentes com toda a certeza já passou pelo dilema de tentar reaproveitar algum item específico e não conseguir por causa dos “padrões”. Mas a pergunta que eu faço é precisa ser de menino, de menina ou sustentável?

Esses dias minha amiga Chris me chamou pra sugerir essa pauta e ela estava revoltada!! heheh
Assim como eu, ela tem uma menina e um menino e estava procurando uma bicicleta para a Gabi mas só encontrou bicicletas de meninos ou meninas. Não tem nada neutro e, pasmem, nos títulos dos produtos vêm escrito isso mesmo: Bicicleta de Menina.

Eu passei por isso no final do ano passado quando estava procurando o mesmo produto para a Isabela que, para ajudar, está na fase de não querer nada de personagens… Opções escassas e acabamos optando por uma cor-de-rosa.

Aqui incentivamos a brincadeira, sem a diferença de gênero. Já contei que eles brincam juntos do que quer que seja e claro, Otavio vai herdar essa bicicleta da irmã.

 brinquedos de menino, de menina
Catálogo Top Toy – marca sueca que defende o fim dos brinquedos por gênero

Mas, reparem que a questão vai além do gênero… estamos falando de mais consumo (desnecessário) e menos sustentabilidade. Eu preciso mesmo comprar uma bicicleta “de menina” e depois, quando minha filha crescer, comprar outra, do mesmo tamanho da anterior “de menino” para o Otavio? Não ne? Mas é isso que fica imposto.

Claro que eu posso repassar a bicicleta (vender, doar, emprestar etc) e minimizar os efeitos do consumo fazendo o produto ter uma vida útil mais longa… mas seria melhor se não fosse imposto para nós esse tipo de diferenciação? Que pudéssemos comprar os produtos das cores que gostamos, independente do gênero.

Eu fiz enxoval de menino e de menina para os meus filhos, mas foi uma escolha, consciente: edredon, kit de berço etc. Mas grande parte das roupas do dia-a-dia eram mais neutras. Escolha consciente também. Otavio usou, e ainda usa, muita roupa da irmã, de bodies a camisetas, uniforme da escola, tênis enfim… reaproveitamos tudo o que é possível.

Afinal, é um mundo mais consciente e mais sustentável que desejo para o futuro deles e nada melhor do que o exemplo ne?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2008-2019 © Eu e as crianças | Criação: Helena Sordili | Desenvolvimento: Carranca Design Carranca Design por Felipe Viana